10 de jun de 2009

Eu odeio o dia dos Namorados


Antes que comecem a me chamar de mal amada, encalhada ou algo do gênero vou tentar explicar por que não gosto dessa data...
A rigor não tenho nada contra a data. Pra mim e apenas mais uma forma de se ganhar dinheiro, puro markentig.
Eu já não ligo quase nada para aniversários, natal, essas coisas, e dia dos namorados é só mais um que vem todo ano me assombrar. Todas essas datas de alguma forma me lembram coisas tristes, então prefiro excluir elas do meu calendário, e vamos ser sinceras o dia dos namorados só tem graça pra quem tem com quem comemorar se não perde totalmente a essência da coisa.
E por mais que eu lute e lute pra sumir do planeta em todas essas datas festivas, não consigo as pessoas sempre me encontram e me fazem lembrar do que estou me escondendo. Tem coisa mais triste do que andar na rua e ver aqueles casais fingindo ser perfeitos e comemorando uma data que há muito tempo perdeu o sentindo (não generalizando e claro, alguns casais se amam de verdade =D).
É difícil fugir de uma data onipresente.
Correr para as montanhas? Mau negócio. Nada mais romântico do que um chalezinho no alto da serra, aquele friozinho, lareira, fondue... Esqueça. Nada de montanha. E nem pensar em praia, ou qualquer tipo de viagem, pois sempre dá errado, e aquela idéia de "só ir solteiros", esqueça isso definitivamente não e a melhor escolha, no geral sempre vão vários casaizinhos da turma.
Se tem coisa que me deixa mais furiosa e quando você convida a galera planeja um fim de semana pra relembrar os bons tempos e todo mundo resolve aparecer com um(a) acompanhante, o que sempre da brigas, ciúmes disso, ciúmes daquilo, e pronto o final de semana feliz acabou... E acredito se seus amigos tiverem que escolher entre o suposto amor de sua vida e você não restara duvidas você ficara em segundo, terceiro plano, triste não?
Portanto, posso me sentir livre para odiar o dia dos namorados sem maiores complexos, afinal, como eu poderia gostar de um dia inteiro dedicado a tudo que não gosto ou não tenho?
Posso dizer que e apenas mais um clássico que se repetem todos os anos...
Então o que posso fazer e apenas esquecer definitivamente esse dia, e outra coisa quem foi que teve a idéia de transformar esse dia em “feriado”, e as responsabilidades onde ficam? (por favor, estou apenas brincando não briguem comigo).
Vamos então as dicas para fugir desse dia:
1. ficar em casa.
Essa talvez seja o melhor a ser feito diante dessa situação. Mas é altamente contra-indicado para os casos de predisposição a estados depressivos. E não adianta comer trocentos potes de sorvete, devorar panelas inteiras de brigadeiro de colher ou quitutes correlatos. Quando bate a "deprezinha-do-dia-dos-namorados-sozinha-em-casa-naquele-frio", vocês sabem, muito pouco pode ser feito, resta apenas esperar e esperar para que o dia acabe, e nesse caso desejar que a segunda-feira chegue logo porque certamente todos iram fazer um “feriadão” em nome do amor, já imaginou ter que conviver com isso quinta (muitos vão comemorar com antecipação), sexta (o pior dia, sábado e por fim o domingo)...
2. procurar pretendente as presas.
E essa e para as desesperas de plantão, em nome de tudo que e mais sagrada, em nome da sua integridade nunca, jamais, nem ouse pensar em encontrar ex-casinho; ex-namorado; amiga-chata-que-só-chora; ir (sem querer...) pra restaurante romântico que entrega rosa na entrada e serve comida em mesa com velas, isso definitivamente ira te matar, ou e bem capaz que você surte em publico, tendo aquelas crises existenciais de ninguém me ama, ninguém me quer, o que eu fiz de errado, porque ele preferiu ela e coisa e tal, a vida as vezes tende a ser muito cruel, então levante a cabeça quem sabe o ano que vem essa data seja excluída do calendário, já pensou que maravilha...
3. Ir ao shopping, cinema, parque a fins.
Essa definitivamente e a pior opção, sair de casa nesses dias e cometer suicídio, parece que abriram as portas do inferno (para as(os) solteiros(as)/encalhados(as) e quase isso), e casal aqui, casal ali, e casal pra todo lado, declarações de amor, casais brigando e depois se reconciliando.
Esqueça, fique em casa mesmo e mais seguro.
Mais agora vamos falar serio, comemorar e sempre bom, quem não gosta de ganhar presente, ser mimada, ser amada e ser a única importante nem que seja por um único dia, todo mundo gosta disso até as mal amadas (que só são mal amadas porque ninguém ainda enxergou a verdadeira beleza delas). Enfim, quero que vocês entendam uma coisa antes e acima de tudo, não se deixem contaminar pela falsa importância que essas datas tendem a nos levar, uma relação não consiste apenas de dias floridos e muitos casais às vezes nem fazem nada nesse dia, apenas ficam juntos, e isso posso garantir tem mais efeito do que qualquer presente do mundo.
Não importa o que façam ou deixem de fazer.
Sempre corremos o risco de errar e acertar, esse e o jogo da vida, o mais importante é REALMENTE não dar bola pro dia. É isso que faz toda a diferença. Todo o resto é pequeno, é bobagem, é ridículo.

E viva os corações apaixonados...
E as encalhadas... Ahhh... Deixa eu ver... Deixa pra lá vai... rsrs


“Quem inventou o amor, me explica, por favor...”.
Aline Lopes

4 Pensamentos que são seus:

Wilian Bincoleto Wenzel disse...

ushauHSuah'

É..

Desde que me conheço por gente essa data nunca fez sentido pra mim.! Rsrs' vamos nos unir então.. das dicas, a que mais gostei foi a.. você com certeza vai acertar.. "cinema".! o /

Estou com vontade de ir.! *__*!

;* - Ótimo feriado! ♥

->Léla PimenteL disse...

Dia dos namorados, noite dos solteiros xD
TBM ODEIO ESSA DATA!

Pedro Tavares disse...

nome fofo o do seu blog :)

Anderson Marques - disse...

tambem odeio esse dia --' kkkkkkkk